Retrospectiva 2011: O ano em 40 e poucas séries

Mais um ano se passou, várias mudanças aconteceram (por bem ou por mal), mas algo que jamais muda nessa vida serialistíca é a paixão por séries. E por mais conturbada e corrida esteja nosso cotidiano, impossível não perder cerca de 45 minutos de sono para dar aquele play e matar a saudade da série favorita.  Leia mais deste post

Retrospectiva 2010: O ano em 30 e poucas séries

Não existe pauta mais manjada do que listas de final de ano. Mas nem por isso ela deve ser evitada, afinal, não há melhor momento para fazer aquele balanço de como foi o ano, não é mesmo?

Então decidi fazer uma lista com tudo o que vi durante o ano – desde as séries que acompanhei religiosamente, até aquelas que dei uma espiada de leve. Será que meu ano foi bom? A lista é extensa (mais de 30 títulos), portanto, o CTRL+F será o seu melhor amigo caso queira ler algo específico. Preparado? Respire fundo. Um, dois, três, GO GO GO!

Leia mais deste post

Review: Duas temporadas de Doctor Who e muitas, mais muitas surpresas

O midseason era o espaço que eu tinha dedicado na minha vida para conseguir acompanhar as séries que eu estava atrasado ou aquelas que eu sempre quis ver e nunca deu por causa das outras tantas que a fall season nos traz. Em meio a minha pasta de séries com episódios intensos de Damages,  as diversões e surpresas da terceira temporada de Chuck, a genialidade dos roteiros das temporadas de Breaking Bad, Mad Men, Nursie Jackie e Sons of Anarchy, eu resolvo fugir de todas essas séries que toda hora a minha timeline do Twitter me lembra de assistir para ver uma série que não estava na minha lista de urgência para ser conferida. Fugi de todas essas séries e fui ver a quase esquecida Doctor Who, e agora me pergunto, valeu a pena?!

Leia mais deste post