The X Factor UK 8×31 – The Winner Is…

And the winner is… 

A noite começa com o Top 16 cantando um mash-up de “We Found Love”, “Party Rock Anthem”, “On the Floor”, Moves Like Jagger” e “The Edge Of Glory”.

Frankie Cocozza realmente estragou tudo, nem foi convidado para a final e ainda foi substituído pela Goldie Cheung (!!!).

Gente, que tragédia é esse cabelo da Sami Brookes???

Round 1 – Apresentações favoritas

Marcus Collins – “Higher and Higher”: Já não havia gostado da primeira vez, da segunda vez é ainda mais brega… Esse terno rosa, o coral, a música… Pelo menos o vocal foi forte.

Deveria ter cantado “Are You Gonna Go My Way?” ou “Reet Petite”.

Little Mix – “Don’t Let Go”: Performance que havia sido perfeita e surpreendentemente foi ainda melhor do que a primeira vez.

A entrada delas no palco foi incrível, só teve o leve susto da ruiva do centro perdendo o equilíbrio e quase caindo. O vocal foi um arraso e mostraram que merecem a vitória.

Round 2 – Músicas de Natal

Marcus Collins – “Last Christmas”: ODEIO música de Natal…

Tá no karaokê meu filho? Vocal BEEEM mediano para uma final, Marcus deveria estar cantando horrores e não fazendo isso… Em algum lugar dos bastidores Amelia Lily deve estar chorando de desgosto vendo o Marcus desperdiçar a vaga que deveria ser dela.

Little Mix – “Silent Night”: Conectadas com a música, passaram emoção e foram superiores vocalmente.

Retrospectiva da temporada com Westlife em sua apresentação de despedida (achei que o grupo já havia acabado…) com um cover de “What About Now” do Daughtry.

Round 3 – Winner’s Single

“Cannonball” de Damien Rice foi escolhido como o winner’s single da temporada, embora houvesse rumores no começo da temporada que Gary iria escrever o single.

“Cannonball” é uma das minhas músicas favoritas da vida, daquelas que se eu pudesse escolher uma última música para escutar antes de morrer, estaria facilmente no Top 5 das possibilidades.

É uma música fantástica, mas que acho que não foi uma boa escolha para winner’s single… Não sei, não funcionou direito com essa produção…

Marcus Collins – “Cannonball”: Como eu disse acima, a produção da música é horrenda e Marcus ainda cantou com uma emoção que parecia mais para ganhar votos do que genuína. Enfim, vocal decente, mas massacrou a música.

Little Mix – “Cannonball”: Levemente melhor, mas a música é péssima para ser cantada por um grupo. Produção horrenda, bla bla bla.

Espero viver em um mundo onde a produção saiba escolher um bom winner’s single e que não massacrem músicas que amo.

Coldplay com uma apresentação de dar calafrios de tão impressionante e fantástica de “Charlie Brown” e “Paradise”.

Temo pela vida do Chris Martin, olha o tanto que a criatura suou com duas músicas!!! Um dia ele cai desidratado…

And the winner is…

Resultado bastante satisfatório para uma temporada bem conturbada.

A temporada começou com bastante promessa e acabou ficando só na promessa mesmo, os candidatos tinham medo de arriscar e faziam a mesma coisa semana após semana foi o grande problema, além da falta de star quality de muitos. Além claro das polêmicas que Frankie causou e a volta de Amelia ao programa após várias semanas de competição.

Outro grande problema foram os jurados. Louis até que não foi o desastre costumeiro, mas isso não quer dizer muita coisa. Gary foi a grande decepção ao querer dar uma de Simon Cowell e parecendo uma criança mimada tentando quebrar o brinquedo das outras crianças na tentativa de mostrar que o seu brinquedo era melhor. Kelly foi OK, foi bastante carismática, mas uma mentora mediana que parecia não saber escolher bem as músicas para cada uma das meninas. E Tulisa, apesar de ter mostrado que foi uma mentora brilhante e dedicada, tem uma personalidade meio apagada comparada aos demais, o que tornou difícil criar uma conexão com ela.

Estou feliz por finalmente um grupo ter levado o premio e ainda mais feliz por ter sido uma girlband. Elas fizeram por merecer, entraram nos Live Shows praticamente como a escória dos candidatos (pelo menos assim eu pensava delas) e foram evoluindo semana a semana. São 4 vocalistas principais, não há uma delas que se julgue a líder do grupo e permaneceram unidas durante toda a trajetória, o que é raro tendo em vista as inúmeras girlbands que passaram no programa  ao longo de 8 temporadas.

Sucesso vai depender muito do tipo de material que for lançado, mas o meu medo maior é como a gravadora vai  tentar vender elas… Se transformarem elas em um pop muito voltado para pré-adolescentes pode ficar complicado.

Minhas expectativas para o Marcus na indústria da música são extremamente baixas, como já disse inúmeras vezes, o lugar dele é no West End.

Misha B é quase certeza que irá roubar os holofotes quando lançar seu próprio álbum, gostando ou não dela, é inegável que a garota nasceu para ser uma estrela da música.

Como de costume, a votação da temporada foi revelada e me surpreendi com o fato do Craig Colton ter sido um competidor mediano em questão de votos, sempre imaginei que ele fosse um dos que lideravam a votação, pelo menos nas primeiras semanas.

Frustrante ver que Frankie escapou do Bottom 2 por 3 semanas consecutivas por uma margem mínima de votos. E surpreso em ver que Misha teria sido eliminada em todos os bottoms em que apareceu.

E aí pessoal, gostaram do resultado? Amaram? Odiaram? Tanto faz, meu favorito já havia sido eliminado? Acha que outras pessoas mereciam estar na final?

Obrigado a todos que acompanharam a temporada e até a próxima.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: