Review: The Walking Dead 1.05 – “Wildfire”

Faltando um episódio para o fim de uma temporada no mínimo estranha, The Walking Dead me lembrou de Lost em seus piores momentos e me fez dormir no meio do episódio… E isso não é muito bom.

Tá bom, entendi, é uma série sobre o drama de pessoas num mundo desolado, não sobre zumbis. Já peguei isso no piloto, mas parece que estão achando necessário esfregar isso na cara do telespectador pelo menos uma vez a cada duas semanas. Acertaram semana passada e agora novamente não souberam equilibrar ação e drama e aí fomos “presenteados” com a chatice que foi esse episódio.

Se fosse só parado, tal qual o 3º, mas ainda assim bacana, ainda era alguma coisa. Mas teve tanta cafonice, uns dialogos tão vergonhosos e aquela cena final que na intenção de criar um baita clima só serviu como imagem bacana pra ilustrar esse post, porque me fez soltar uma risada involuntária.

Ok, pra não falar que foi perda total, a primeira metade do episódio me pareceu realmente promissora. A colônia pós-ataque, com os personagens tendo que lidar com as consequências cruéis da noite anterior, mais do que isso, a reação de quem perdeu alguém próximo, foi ótima. A mulher de Ed metendo o machado na cabeça do marido morto e chorando desesperadamente foi fácil a melhor cena do episódio, principalmente porque, além de ser nojenta – pedaços de cabeça voando na câmera, nice – ela conseguiu expressar toda a confusão que estava rolando com a mulher: era a tristeza de perder alguém amado misturado ao alívio e mórbida felicidade de finalmente estar livre de alguém que a fez sofrer tanto.

Depois disso, valeu também a irmã de Amy em estado de choque. Putz, aquela cena que ela “desperta” como um zumbi e fica tentando agarrar a cabeça da própria irmã deu uma agonia deprimente. E apesar de já saber que a menina ia morrer de novo daquele jeito desde que arrancaram um naco do pescoço dela – porque essa ceninha de sacrificar alguém que ama, com direito a um “I love you” segundos antes de matar a pessoa é um negócio mais manjado que beijo na chuva – deu pra sentir pena.

Agora, de resto, ou foi muito chato ou foi simplesmente idiota. Sério, aquele dialogo entre Rick e Lori. Quando ela soltou o “Você tem um plano mas nem sabe se ele vai dar certo, do que você tem certeza afinal?”, na mesma hora eu pensei: Putz, ele vai falar “eu te amo” e eu vou ficar com vontade de enfiar a cabeça no chão de tanta cafonice… e eu quase não acreditei quando ele fez exatamente isso (depois de um cômico minuto olhando para os lados)! Que papinho de filme adolescente da sessão da tarde gente, tomem vergonha…

É meio preocupante como esse episódio me lembrou Lost… na sua maioria, os aspectos ruins da série. Teve dois personagens entrando em conflito por duas ideias estúpidas, no maior estilo Jack e Locke – Procurar o centro de cura no meio da cidade ou viajar quilometros num mundo infestado de zumbis? – todo o grupo saindo numa jornada rumo a outro abrigo (sério, eu só conseguia pensar na trilha do Giacchino, quando os sobreviventes iam todos juntos rumo a floresta em Lost) e de quebra, ainda teve o desperdício de um personagem interessante e que previa o futuro, seguindo a risca a cartilha Lindelof&Cuse de como fazer coisas erradas numa série.

Eu realmente espero que essa não seja a última aparição de Jim, porque terminar a série debaixo de uma árvore quando prometia tanto é uma puta falta de sacanagem. Ah claro, teve também videozinho misterioso, na última parte do episódio. Quando aquilo apareceu eu até fiquei feliz, senti clima de conspiração, mas não, era só o que o pessoal está procurando. E aquele final tinha tudo pra ser ótimo, mas tudo mesmo… aí resolveram que era uma boa ideia ter aquela luz ofuscante cobrindo os personagens como última cena. Como eu disse, é uma ótima imagem pra ilustrar post, mas tipo… aquilo é só um abrigo, não uma nave espacial, pra que a cafonice toda?

Enfim… season finale já é semana que vem e no fim das contas, a série é excelente, muito boa mesmo, mas teve uma temporada bem irregular. Enquanto alguns momentos explodiam em genialidade e originalidade, outros faziam dormir. Só espero que o season finale não decepcione e consiga deixar todo mundo na pilha até um longíquo outubro de 2011. Bom, independente de tudo isso, só não quero me ver dormindo enquanto assisto uma série de zumbis…

Nota: 7

3 Responses to Review: The Walking Dead 1.05 – “Wildfire”

  1. Jefferson Rodrigues disse:

    Você expressou o que eu espero dessa season finale em uma só frase: “Só espero que o season finale não decepcione e consiga deixar todo mundo na pilha até um longíquo outubro de 2011.”
    Porque tipo se eles materem o nivel desse ultimo ep., na moral fudeu, porque alem de não ficar ansioso pela volta de TWD em outubro, eu vou achar que a serie tomará um rumo totalmente diferente e que tinha tudo para ser A SERIE. Enfim, muito bom post Marcelo, parabens, concordo com tudo o que você citou.

  2. Olá, Marcelo!

    “The Walking Dead” foi um seriado que me surpreendeu nesta temporada. Demorei para começar a assistir, porque não via como uma história de zumbis poderia se arrastar por 6 episódios. Mas, não é que gostei?

    Mesmo este episódio achei interessante. O final dá margem a algumas novidades que podem ser exploradas no próximo episódios.

    O que anda acho difícil é manter o interesse por mais uma temporada inteira. Parece tempo demais para explorar uma história que não parece ter tanto assunto assim. Vamos ver.

    Um abraço e parabéns pelo texto!

  3. Diego disse:

    Acho que eu fui o único que gostei desse episódio pelo jeito kkkkk

    É claro, nem chegou perto dos outros, mas eu achei bacana o fato da série finalmente ter mudado um pouco de rumo, sabe, saiu um pouco da mesmice e agora parece que coisa novas irão acontecer (mas pelo jeito não nessa temporada né, o último capitulo vai servir só rpa deixar a gente curioso pra segunda temporada q vai ser daqui a 500 anos ¬¬). Não gostei tbm dos diálogos, achei mto idiota o Jim ter o seu fim debaixo daquela árvore e não suportei aquela cena em que o Shane aponta a arma pro Rick, já é um sinal de que mais pra frente vai dar mta merda nisso. E o final podia ser tão legal…pq aquele cara foi abrir a porta?? Era melhor ter deixado eles lá fora com um monte de zumbis ia ser bem bacana hehehe…

    abraçoo e parabens pelo excelente review!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: