Review: Prófugos – 1ª Temporada – Episódio 13 (Season Finale)

Prófugos é certamente uma das melhores produções da HBO Latin América, uma das melhores estreias do ano e a maior surpresa da temporada. E se isso não fosse pouco, a série ainda nos presenteia com uma season finale maravilhosa, que me fez pensar aqui no quão difícil vai ser aguentar esperar pela segunda temporada.

MEU DEUS, QUE FINAL DE TEMPORADA EXCELENTE!!!!!

Há um bom tempo eu não assistia uma série tão sólida quanto Prófugos, dessas que conseguem manter o nível de qualidade durante todos os episódios e ainda nos presenteiam com uma season finale mindblowing. Tantas revelações, tantas reviravoltas, tantas mortes, tantos dramas e tudo isso em apenas um só episódio. Sério, temos muito a comentar, então comecemos.

Pra nossa alegria no final do episódio passado acompanhamos Parraguez/Tégui se vingando de Moreno, enchendo a cara do prófugo-torturador de porrada e depois o entregando para a polícia, por intermédio, claro, da sempre honrável Ximena. Uma felicidade saber que Moreno ia sumir de cena e que o personagem estava indo pagar seus pecados na cadeia. Coisa linda!

Enquanto isso, Tégui, Irma, Vicente e Laura tentam resolver sua vida e concretizar seu plano de fuga, que dependia dos contatos de Quijada. Essa história deixa uma tensão absurda, em primeiro lugar porque não sabemos pouquíssimo sobre Antonio Quijada, que volta e meia demonstrava estar mesmo era interessado no dinheiro dos Farragut do que em ajudar os prófugos a deixar o Chile. A cena dos prófugos se despedindo na cozinha foi muito bacana, deu pra ver que, apesar das circunstâncias inusitadas, eles acabaram virando uma família mesmo. Tá, mas logo depois vemos que isso não é verdade!

A season finale marcou o retorno do foco da história em Valparaíso, o local onde a série havia começado e onde aconteceu confusão por causa da carga de cocaína que estava aos cuidados dos Farragut. A sensação de closer ao acompanhar as histórias mais uma vez acontecendo no porto de Valparaíso foi excelente. Valparaíso tem um peso gigantesco para as histórias de Prófugos e a sensação de passado e presente se conflitando durante todo o episódio só serviu para entender o porquê de voltar ao porto de Valparaíso.

A subsecretária Adriana Bascuñan preparou “um circo” no porto para homenagear os mártires que haviam sido mortos no ataque do porto poucos dias atrás, a ocasião criada pela subsecretária tinha um objetivo bastante específico: uma morte. No episódio passado Bascuñan tinha procurado a La Roja pra encomendar a morte de alguém durante a celebração que aconteceria no porto, a dúvida era saber quem seria a vítima. A promotora Ximena? O policial Alvaro Parraguez? O deputado Ignácio Cordóba?

Ao mesmo tempo que a tensão se alastrava pelo porto de Valparaíso, as reviravoltas iam acontecendo entre os prófugos. A família que acreditávamos ter nascido de toda a situação da fuga não passava de uma mentira e tudo por causa de Laura Farragut. Tive um pré-infarto na cena em que Vicente descobre que Laura, sua irmã, era aliada de Quijada e que os dois estavam juntos tentando ficar com o dinheiro dos Farragut. TUDO FEZ SENTIDO!!!!!!

Laura no começo da temporada era uma personagem completamente desgostosa com o estilo de vida dos Farragut, sempre foi contra as atitudes de Kika e nunca perdeu oportunidade para se queixar da situação que tinha se metido por conta de sua família. Laura demonstrava ser uma garota séria que tentava se distanciar da sombra do seu sobrenome, mas que na realidade isso, que, claro, pode até não deixar de ser verdade, acabou influenciando Laura a arquitetar um plano para passar a perna na sua família ou no que restava dela, no caso, Vicente e os prófugos. Que reviravolta!!!

Laura Farragut entrando pra lista de personagens mais escrotas da atualidade e isso só me faz amar ainda mais Prófugos. Só de imaginar as consequências que isso pode ter na segunda temporada, já fico contando as horas pra a estreia do segundo ano da série. Preciso ver Laura Farragut e Antonio Quijada Vs. Prófugos, ainda mais agora que os dois conseguiram transferir o dinheiro que estava na conta de Kika e estão com toda a fortuna dos Farragut em mãos. E putaquepariu, como foi incrível saber que Laura e Adriana Bascuñan tinham uma ligação e estavam juntas “contra” o tráfico de drogas. Quero muito ver Laura e Vicente frente a frente depois dessa revelação!

 

E o casamento do deputado Cordóba? Todo mundo achando que a situação entre ele e Magdalena ia acabar da pior maneira possível, já que agora o mundo inteiro sabia da homossexualidade de Ignácio, mas lêdo engano nosso. No episódio passado Magdalena ainda deu a entender que preferia manter o casamento com Ignácio por causa das crianças, no entanto, a hipótese foi automaticamente rebatida pelo deputado, mas aí chega esse episódio e os dois estão juntos. Por juntos entendamos que Magdalena é evil e está tendo um caso com o secretário/assessor de Ignácio e os dois estão lucrando muito com a situação toda. E do outro lado, temos Ignácio sofrendo com sua saída do armário forçada, com seu casamento fail e sua péssima situação no cenário político.

Esperem, como assim ainda não comentei o que aconteceu com Marcos Oliva? Esse foi um dos melhores momentos do episódio pra mim e soltei foguetes em casa quando finalmente alguém conseguiu se livrar do policial corrupto. Primeiro, é preciso falar que a sequência que criaram para relembrarmos dos grandes acontecimentos da série foi uma coisa brilhante, fiquei com um orgulho imenso ao ver o quão madura é essa série. As imagens aparecendo enquanto a subsecretária discursava foi uma coisa muito bacana, especialmente quando nos lembramos de Kika e Salamanca.

 

Quanto ao que aconteceu com Oliva, acho que certamente deve ter sido motivo de festa entre os outros fãs da série. Marcos Oliva foi um dos personagens mais interessantes durante toda a temporada, foi um vilão mesmo (mesmo!!!) e acrescentou muito à série, acho que ele foi imprescindível para garantir a qualidade da série, especialmente na primeira metade dela. E saber que todo o esforço dele para conseguir uma parcela do dinheiro do tráfico tinha sido em vão, já que ao final Cacho Aguilera manda um dos seus capangas tirar a vida de Oliva. Cacho FUCKING Aguilera chutando bundas de todos os outros cartéis e mostrando que os Aguilera é que estavam sorrindo no final. Incrível como todos os desfechos ficaram interessantes nessa season finale, né?

 De uns tempos pra cá Ximena acabou virando, ao lado de Parraguez, uma das personagens mais relevantes e centrais de Prófugos, quase tudo que era importante na série estava de alguma forma ligada com o trabalho da promotora Ximena, tanto que era ela que tinha as informações que seriam capazes de criar o caos no cenário político do Chile, já coisa como a corrupção da PDI e a ligação de políticos com o tráfico de drogas eram informações que estavam nas mãos de Ximena. Então não seria estranho imaginar que a subsecretária tivesse encomendado a morte da promotora, right? Seria uma morte chocante, emocionante, mas óbvia, tendo em vista que Ximeninha era a primeira opção da cabeça de qualquer pessoa.

 

A surpresa vem com o alvo do tiro da La Roja. Até cogitei a hipótese de Adriana Bascuñan ter ido encomendar sua própria morte pelas mãos da Roja, lembrando que quando a bomba do envolvimento da subsecretária com Oliva surgiu tivemos uma ceninha em que ela parecia querer tirar sua própria vida. É, mas logo pensei que estava viajando e que o alvo seria outro. LÊDO ENGANO!

 Adriana Bascuñan criou toda uma situação pra morrer como mártir e não ficar com a imagem ligada ao tráfico de drogas. A subsecretária, que se mostrou ser uma mulher com ideias louváveis no início, se tornou alguém extremamente falsa e perigosa, estamos falando aqui de uma mulher ligada a Marcos Oliva, que não media esforços pra concretizar seus objetivos. O pior é que com a morte Adriana certamente ficará eternamente com a imagem de alguém que ela não era ou que pelo menos não era mais.

Ah preciso comentar isso com vocês, acho excelente a relevância que Prófugos dá para as personagens femininas, isso sempre me chamou atenção. Um dos maiores nomes por trás do tráfico de drogas na série era uma mulher, a pessoa responsável por cuidar das consequências jurídicas do acidente de Valparaíso era uma mulher, a pontaria mais certeira da série era de uma mulher, a pessoa mais backstabing da série era uma mulher. Coincidência? Acho que não, né? Sinto que tem uma vibe meio Almodóvar por trás dos roteiros de Prófugos e isso é algo louvável!

 Caminhando por final, vemos o caos sendo instaurado novamente em Valparaíso e Parraguez, como de costume, virou principal suspeito de um assassinato que ele não cometeu. A morte da subsecretária, assim como a do Fabián, acabou sobrando para Parraguez, que foi visto no local de onde o tiro que matou Adriana havia saído. E mais uma vez ele fez jus ao termo “prófugo” que o acompanhou durante toda a temporada, dessa vez ele se vê forçado a fugir para se livrar do problema que ele tinha se metido. A série termina com Parraguez, Irma e Vicente fugindo da polícia, tentando sair do Chile, no entanto, o plano vai por água abaixo quando eles são capturados em alto mar pela guarda costeira, em uma perseguição de tirar o fôlego. Que saudade vou sentir das cenas de ação de Prófugos!

Pra completar ainda temos que assistir Ximena sendo presa por estar envolvida com Parraguez que agora era, de fato, um foragido da polícia e não mais apenas um policial infiltrado. Deu pra perceber que todo mundo vai estar preso no começo da próxima temporada, já dá pra imaginar o nível de tensão que será a coisa. Todo mundo preso enquanto Laura se dá bem ao lado do Quijada fake, essa cretina!

Encerro o post por aqui comentando o quão bom foi escrever sobre Prófugos, como disse em várias oportunidades, há muito tempo eu não vejo uma produção tão excelente quanto essa. Prófugos é uma série obrigatória e coloco agora ela ao lado de Alice dentre as produções da HBO Latin América que todo mundo tem a obrigação de assistir. Elas são brilhantes demais para serem esquecidas pelos fãs de séries. Não canso de dizer que a série impressiona com o nível de qualidade dos episódios, dos roteiros, da fotografia e das atuações, é tudo tão bem pensado e bem feito que é bem difícil sair reclamando do que vemos.

Agradeço a todos vocês que vieram aqui comentar a série comigo, não teria sido legal escrever sobre a série sem o feedback de vocês. Aproveito o espaço para pedir aos legenders brasileiros que deem atenção para Prófugos e legendem a série, sei que tem muita gente querendo ver a série, mas que a falta de legenda atrapalha tudo. Vamos nos esforçar para divulgar a série, quanto mais gente assistindo vai ser melhor.

 Obrigado por existir, Prófugos!

P.S: E o Moreno sendo torturado na cadeia? IMPAGÁVEL!!!

About these ads

Sobre Aécio Rocha
.

7 Responses to Review: Prófugos – 1ª Temporada – Episódio 13 (Season Finale)

  1. márcio disse:

    será se vai ter a segunda temporada …..todo mundo esta preso?

    • Aécio Rocha disse:

      Márcio,

      As chances de termos uma segunda temporada de Prófugos são gigantescas. Já li que tudo indica que teremos no mínimo mais uma temporada para a série e acho que o final deste primeiro ano deixou claro que a série ainda tem muita história pra contar. E sim, todos estão presos. Moreno, como vimos no episódio, e agora Vicente, Irma e Tégui/Parraguez foram capturados pela policia. Só quem aparentemente está no bem bom é Laura, que sumiu no mundo com o dinheiro dos Farragut.

      • Aécio, muito obrigado por falar sobre o capítulo 13 que não está em you tube. Consegui ficar um pouco menos chateado já que eles tiraram o capítulo final da internet. Adorei Prófugos, sou chileno e adorei ver a atuação dos artistas, conheço eles de filmes ou novelas. Atualmente moro no Brasil e na minha próxima viagem tentarei trazer a serie completa em dvd. Um abraço e obrigado por expressar o que realmente senti com Pró
        fugos.

  2. Daniel Filho disse:

    alguem consegue as legendas para mim.. mesmo em ingles/espanhol quero traduzir pq nenhum grupo ainda legendou…

  3. Fabiana disse:

    Que serie fantástica!!!!
    Há tempos não sentia essa adrenalina! Sou fã incondicional de CSI, mas tenho que admitir que a cada temporada ela fica mais morna.
    Claro que vai ter nova temporada. Se não fosse pra ter, tudo daria dado certo
    Adorei!

  4. Arthur disse:

    Procurei e nada de achar legenda para esta série, ou uma versão dublada.
    Alguem sabe onde eu possa baixar?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: